Programa de certificação da Wi-Fi Alliance irá testar novos produtos compatíveis com o Wi-Fi 6

A Wi-Fi Alliance anunciou nesta segunda-feira (16) a certificação do Wi-Fi 6. A organização, que desenvolve e regulamenta os padrões de rede sem fio, agora vai passar a testar e medir a qualidade de dispositivos que seguem as informações técnicas do novo padrão. Isso significa que futuros produtos que chegarem ao mercado com suporte à tecnologia devem entregar um nível mínimo de qualidade, garantindo as melhorias esperadas.

LEIA: Wi-Fi na casa toda: app descobre problema da sua internet e ajuda a resolver; conheça

A versão, antes conhecida como 802.11ax, representa a nova geração de redes sem fio. O Wi-Fi 6 chega com a promessa de conexões mais eficientes e cerca de 40% mais rápidas, a ponto de permitir, inclusive, streaming de vídeos em 8K.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Embora programa de certificação comece agora, já há produtos Wi-Fi 6 no mercado, como é o caso do TP-Link Archer AX11000 — Foto: Divulgação/TP-Link

Embora programa de certificação comece agora, já há produtos Wi-Fi 6 no mercado, como é o caso do TP-Link Archer AX11000 — Foto: Divulgação/TP-Link

A medida é importante porque tem caráter oficial, mas não modifica de forma direta o que já está definido a respeito do Wi-Fi 6. Além disso, o anúncio não compromete os produtos que já estão no mercado e prometem compatibilidade com a tecnologia. Na prática, a grande diferença para o consumidor é que produtos lançados a partir de agora serão submetidos a testes para garantir a compatibilidade com o novo padrão, respeitando alguns parâmetros mínimos de qualidade.

O mercado já conta com alguns roteadores com Wi-Fi 6, além do Galaxy S10, da Samsung, primeiro celular a empregar a tecnologia. Os novos iPhonesrevelados pela Apple na última terça (10), também oferecem Wi-Fi 6.–:–/–:–

iPhone 11 Pro e iPhone 11 Pro Max: testamos os celulares da Apple

iPhone 11 Pro e iPhone 11 Pro Max: testamos os celulares da Apple

Além do salto em velocidade, chegando aos 9,6 Gb/s, o novo padrão agrega uma série de tecnologias que o tornam mais eficiente. Um exemplo é o suporte a múltiplos dispositivos por canal, além de uma nova geração do MU-MIMO, capaz de funcionar tanto em upload quanto em download.

No geral, essas novidades devem levar a redes sem fio cada vez mais ágeis e eficientes que, mesmo não alcançando as velocidades máximas indicadas na teoria, devem ter capacidade para transferir um volume maior de dados em diversas frentes ao mesmo tempo.

fonte: https://www.techtudo.com.br/noticias/2019/09/wi-fi-6-agora-e-oficial-veja-detalhes-do-novo-padrao-de-rede-sem-fio.ghtml

Clique na seta para digitar a sua mensagem
Powered by