fonte: http://www.administradores.com.br/artigos/negocios/planejar-e-preciso/100292/

Planejar nunca teve tanta importância e relevância quanto nos dias atuais. Direção, foco, concentração de esforços, aproveitamento do tempo e redução do desperdício são alguns dos ganhos paralelos dos que planejam.

O planejar sempre esteve presente no dia-a-dia dos gestores e executivos das organizações. Embora, nem sempre encontramos formas estruturadas de planejamento, o ato de planejar é exercido, muitas vezes, informalmente no processo de condução dos negócios.

Até a década de 90, as empresas viviam um ambiente externo bastante instável. Inflação, moeda desvalorizada, juros altos, etc., formavam um cenário bastante turbulento no cotidiano brasileiro. Com a estabilidade da economia a partir de 1994, muitos componentes de mercado se alteram e passam a exercer influencia de forma diferente, em maior ou menor grau as atividades empresariais.

Tanto as empresa privadas, com as organizações governamentais e filantrópicas, passaram a ter influenciadores novos atuando de forma muito mais forte sobre os fatores críticos de sucesso do seu negócio.  Esse novo modo de agir do mundo globalizado tem forçando os gestores do negócio na busca de alternativas de crescimento, de novos modelos de gestão para suas empresas, independente do seu ramo de atividade ou segmento de negócio.

Cada vez mais se torna imprescindível evidenciar e chamar a atenção do dos lideres nas organizações da importância do planejamento estratégico no processo de gestão, de forma a criar alternativas capazes de suportar as incertezas do mercado. É necessário evidenciar que, a correta interpretação dos cenários, com um método definido de elaboração, sem cortar caminhos ou pular etapas, pode auxiliar a empresa na busca de bons resultados.

As definições objetivas e claras de qual é o seu negócio, o estabelecimento dos seus macros objetivos, dos valores e princípios que vão nortear suas ações são igualmente importantes. Assim como a disseminação e o desdobramento destes objetivos em projetos e planos de ação envolvendo toda a empresa na busca do comprometimento das pessoas, como fator relevante de sucesso, deste a formulação das estratégias, como na implantação e no seu acompanhamento.

Planejar, saber o queremos, qual direção seguir, como fazer para chegar lá, nunca teve tanta importância quando nos dias de hoje. Pois conforme já disse um autor desconhecido, ou você tem um plano ou faz parte do plano de alguém.

Alcione Luís Gossler.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial