É ilegal vender milhas? Qual é a melhor época? Veja respostas para estas e outras questões sobre milhas de programas de companhias aéreas

É ilegal?

Não. Porém, a comercialização de milhas não é permitida pelo regulamento dos programas de fidelidade, que tem o direito de excluir o cliente do programa se comprovar que a regra foi desrespeitada.

Quando vale a pena?

Quando suas milhas estão para vencer e você não pode viajar. Lembre-se, porém, que há alternativas, como emitir uma passagem para um amigo ou familiar ou obter outros benefícios do seu programa de fidelidade, usando as milhas em lojas, postos de gasolina, hotéis, entre outros.

Como é o processo?

O primeiro passo é pedir a cotação das milhas disponíveis para a venda. No teste feito pela Viagem e Turismo na Hot Milhas, uma das mais conhecidas no mercado, ela veio por e-mail em menos de um minuto.

A empresa envia então um email solicitando nome, CPF, endereço, telefone, número do cartão e a assinatura eletrônica no caso do TAM Fidelidade; se tiver Smiles, um print screen da página inicial, e dados da sua conta bancária.

Com isso, eles checam se suas milhas realmente estão disponíveis. A empresa deposita então o pagamento em sua conta e só depois você fornece sua senha para que eles utilizem as milhas.

É seguro?

A vulnerabilidade é alta, já que, mesmo que você mude sua senha após a transação e você possa cancelar as passagens emitidas se a empresa agir fora do que foi combinado, ela tem acesso a sua conta, mesmo que temporariamente, e a seus dados pessoais.

Como escolher a empresa?

Uma dica é procurar aquelas que tenham telefone e endereço fixos e CNPJ.

fonte: http://viagemeturismo.abril.com.br/materias/o-que-voce-precisa-saber-sobre-venda-de-milhas/

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial